quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Projeto Dia das Crianças

Dia Universal das Crianças

Muitos países comemoram o Dia da Criança no dia 20 de novembro, já que a ONU (Organização das Nações Unidas) reconhece esse dia como o dia Universal das Crianças, pois nessa data também é comemorada a aprovação da Declaração dos Direitos da Criança. Entre outras coisas, essa Declaração estabelece que toda criança deve ter proteção e cuidados especiais antes e depois do nascimento.

A maioria dos países do mundo já possui leis que definem e protegem as crianças e criam situações para que todos frequentem escolas, tenham alimentação e saúde básica.


Dia da Criança no Brasil

O Dia da Criança, no Brasil, foi criado em 1920 pelo Decreto nº 4867. A ideia era homenagear as crianças brasileiras. 
             
Em 1960, a Fábrica de Brinquedos Estrela fez uma promoção conjunta com a Johnson & Johnson para lançar a “Semana do Bebê Robusto” e aumentar suas vendas. A estratégia deu certo e fez com que o “Dia da Criança” começasse a ser realmente comemorado.



ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente


Foi sancionada pelo presidente da República a Lei nº 8.069, de 13/07/1990, que dispõe sobre a proteção integral à criança e ao adolescente.

A Declaração dos Direitos da Criança dispõe de 10 princípios, os quais definem os direitos das crianças e norteiam as responsabilidades das famílias e do Estado.

Para ter acesso ao ECA entre no site: www.planalto.gov.br/ccivil

Valores Humanos


O comportamento da criança é reflexo da formação recebida em casa e na escola. Para que ela cresça respeitando as pessoas e a si própria, é necessário que desde os primeiros anos de vida seja respeitada, que aprenda a respeitar as pessoas, independente da cor, raça ou condição social, que tenha limites e disciplina, que colabore nos deveres de casa e seja responsável com seus deveres escolares, enfim, vá aprendendo a conviver em sociedade.

Valores humanos são ensinados ao longo do tempo e é necessário muita paciência. Quando a criança já entende comandos, é hora de começar a dar pequenas tarefas a ela como, por exemplo, guardar os tênis em determinado local, guardar os brinquedos ao término da brincadeira, etc.

À medida que ela vai crescendo, é importante que as responsabilidades também cresçam, dessa forma, elas crescerão sabendo da importância que possuem enquanto seres humanos e terão uma boa relação com o que está a sua volta.  

A importância de brincar para o desenvolvimento infantil

Brincar é muito mais significativo do que se pensa. As crianças que brincam estão realizando o desenvolvimento intelectual, motor e afetivo; estão aprendendo a conviver com regras, adquirindo valores, trabalhando a socialização, entre outras coisas. Terão respeito, limites e farão a interação com espaços, pessoas e objetos.

Elas irão aprender a ganhar e perder e, aos poucos, vão aprendendo a conviver com crianças e adultos e se desenvolvem enquanto seres humanos.   

Muitas crianças passam toda a infância sem ter contato com brincadeiras simples e de excelente aprendizagem, é o caso das brincadeiras com “bolinhas de gude”, “peteca” ou “pião”, por exemplo. Essas brincadeiras aparecem retratadas na obra de Peter Brueguel (Alemanha) de 1.560. Outros pintores, ao longo dos séculos também retrataram as mesmas brincadeiras de formas diferentes Hokusai (Japão 1.880), Cândido Portinari e Milton Dacosta (Brasil – 1.950).

Com a violência que está presente em todas as partes do mundo, os pais procuram proteger seus filhos dando-lhes TV, videogames, preenchendo os horários das crianças com aulas de karatê, balé, informática, entre outras atividades. Elas passam toda a infância sem conhecer as brincadeiras que os pais e avós tanto se divertiram na infância.


“Brincadeiras Infantis” – Pieter Brueguel - 1560




Lembrancinhas para presentear as crianças

1) Embalagens para embalar lembrancinhas

Materiais: 

TNT, feltro de várias cores, Super cola pano, Tinta Dimensional  preta, verde, branca e amarela, tesoura, fitas e lembrancinhas.

Modo de fazer:

a) Recorte um retângulo de TNT para fazer a embalagem.
b) Recorte uma oval em feltro para fazer a cabeça do menino ou da menina. Recorte as roupinhas e os tênis em feltro colorido. Cole sobre o TNT.
c) Com Tinta Dimensional preta, faça os contornos, pescoço, braços, pernas e laços dos tênis.
d) Faça texturas com Tinta Dimensional verde, branco e amarelo.
e) Coloque a lembrancinha no centro do TNT e dobre o conforme mostram as fotos.
f) Finalize com um laço.





2) Porta-pirulitos

Materiais: 

EVA, Cola de EVA, Canetas Acrilpen, palitos de churrasco, tesoura, cola quente e fita.

Modo de fazer:

a) Recorte um círculo de EVA branco (+ ou – 8 cm  de diâmetro).
b) Cole o círculo branco sobre um círculo de EVA colorido. O círculo clorido deverá ser maior que o círculo branco.
c) Pinte o menino ou menina no EVA branco. Utilize as Canetas Acrilpen.
d) Cole o palito de churrasco por trás do círculo colorido. Utilize a cola quente.
e) Com cola de EVA, cole outro círculo colorido por trás do palito para dar um bom acabamento.
f) Finalize colando um laço.



3 – Agenda

Materiais: 

Agenda, EVA branco, Lápis de cor aquarelável, Marcador permanente preto, Canetas Acrilpen, Crystal cola Brilliant branca e Cola transparente.

Modo de fazer:

a) Corte um retângulo de EVA branco no tamanho da capa da agenda. Cole-o com cola transparente na capa da agenda.
b) Faça o desenho no EVA. Passe o Marcador permanente preto sobre o desenho.
c) Pinte o desenho usando lápis aquarelado molhado ou Canetas Acrilpen.
d) Finalize fazendo texturas com Crystal cola.




4 – Marcador de livros 

Materiais: 

EVA de branco e de uma outra cor que seja contrastante, Cola de EVA, fita, Marcador permanente preto, Canetas Acrilpen e Tinta Confetti

Modo de fazer:
a)  Recorte o marcador no EVA branco. Recorte outro marcador no EVA da cor contrastante de maneira que ele tenha 0,5 cm a mais de cada lado. Cole um sobre o outro com a Cola de EVA.
b)  Faça o desenho sobre o EVA branco com o Marcador permanente preto e escreva o nome da criança que irá receber o marcador. Pinte todo o trabalho com as Canetas Acrilpen.
c)  Sobre a pintura colorida passe Tinta Confetti.
d)  Faça um furo na parte superior do EVA e passe uma fita.



5 – Latas decoradas 

Materiais: 

Latas vazias, EVA branco, Lápis aquarelável, Marcador permanente preto, Canetas Acrilpen, cola quente e tesoura.

Modo de fazer:

a) Recorte um retângulo para cobrir a lata.
b) Pinte o fundo com Lápis aquarelável  com a ponta molhada.
c) Contorne o desenho com o Marcador permanente preto. Pinte o desenho com Canetas Acrilpen. Espere secar.
d) Cole o retângulo na lata com cola quente (manuseada pelo professor)
As latas servirão para colocar lápis de cor, canetinhas, tesourinhas, etc.



6 – Representando os alunos da sala

Materiais: 

EVA de várias cores, inclusive branco, Cola de EVA, Tinta Acrílica Fosca/Mate (várias cores), Marcador permanente preto, Tinta Confetti, pincel ref. 054, nº 10, fitas e tesoura.

Modo de fazer:

a) Recorte vários círculos no EVA branco e vários nos EVAs coloridos. Os círculos coloridos devem ser maiores que os brancos.
b) Cole sobre cada círculo colorido, um círculo branco. Utilize a Cola de EVA. Faça o desenho no EVA branco (meninos e meninas).
c) Com pouquíssima tinta acrílica (verde – tom que mais gostar) no pincel, pinte a parte inferior do Eva branco com batidinhas bem suaves.
d) Faça o contorno do desenho com Marcador permanente preto. Pinte todas as partes com Tinta Acrílica da cor que escolher.
e) Pinte algumas partes com Tinta Confetti. Cole os olhinhos móveis.
f) No “Dia das Crianças”, pendure todos os círculos pintados numa parede da classe. As crianças, ao entrar na sala, ficarão surpresas com o carinho da professora ao representá-las. Quando terminar a semana, presenteie cada criança com o seu círculo.





Atividades:


As atividades acima sugeridas serão feitas pela professora para presentear seus alunos.

Objetivos:

a) Conversar com as crianças sobre a importância delas como cidadãos transformadores da sociedade.
b) Falar sobre os direitos e deveres que elas tem.
c) Trabalhar os valores que devem ter em relação aos pais, vizinhos, colegas e demais pessoas que convivem.

Como trabalhar:

a) Converse com seus alunos sobre o ECA. Antes de dizer quais os direitos e deveres que possuem, pergunte se eles sabem quais são esses direitos e esses deveres.
b) Fale sobre os valores que todos devem ter e desenvolver a cada dia.
c) Converse sobre a importância de brincar. Relembre as brincadeiras infantis. Proponha situações para que seus alunos brinquem e, se não conhecerem determinadas brincadeiras, que aprendam.
d) Converse sobre o que acharam de brincar dessa forma (amarelinha, corda, barra manteiga, pé de lata, bilboquê e outras).
e) Confeccione algumas lembrancinhas para presentear seus alunos.
f) Prepare uma festa para as crianças e presenteie-os com as lembrancinhas que confeccionou.

Nenhum comentário: